Abordagens de avaliação de comunidades de prática virtuais: um mapeamento sistemático.

Resumo

As Comunidades de Prática (CoP) são amplamente citadas e representativas na aprendizagem social. Elas podem ser definidas como um grupo de pessoas que compartilha uma preocupação ou uma paixão por algo que faz e aprende como fazê-lo melhor ao interagir regularmente. Inicialmente as CoP eram vistas como sistemas auto-gerenciáveis. Seu processo de avaliação, apesar de complexo, atualmente é reconhecido como essencial para evidenciar o desempenho e o valor produzido por tais comunidades. Com a evolução da Internet, as Comunidades de Prática Virtuais (VCoP) representam um desafio, pois elas possuem características próprias, como a realização das interações majoritariamente por meios tecnológicos, o que as diferenciam das CoP cuja participação acontece presencialmente. Com base neste cenário, este trabalho visa descrever a realização de um mapeamento sistemático de literatura cujo objetivo é revelar o estado da arte das abordagens de avaliação de CoP e Redes de Conhecimento. De um total de 1417 estudos, foram selecionados 17 para responder as questões de pesquisa. Os resultados indicaram que a maioria dos estudos não utilizam as bases teóricas específicas para avaliação de CoP e também não fornecem diretrizes após o resultado da avaliação.

Descrição
Palavras-chave
Engenharia de software, Sistemas de informação
Citação